Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Lorpa quase-erudito

Escaninho quase tão oco como um ovo que não chocou.

Escaninho quase tão oco como um ovo que não chocou.

Esta semana

... Tinha posto na cabeça que iria escrever sobre o Natal.

 

Acabei por nem sequer iniciar tarefa, mas da próxima semana não passa. Na verdade nem pode!

O contrato idealizado comigo mesmo obriga-me a postar (no mínimo dos mínimos) uma vez por semana. Portanto aqui estou eu, pela segunda vez, a deixar uma semana chegar ao último dia em que posso continuar a honrar o contrato, sujeito a perder-me para sempre no limbo blogosférico do caos. E talvez tenha repetido a palavra 'semana' demasiadas vezes também.

 

Sem grandes voltas, parto directo ao assunto: partilhar a entrevista do Ricardo Araújo Pereira ao programa Alta Definição, na SIC. Podem ver aqui. 

Nem fazia ideia que isto tinha acontecido, mas não sei como (ou talvez pela constante vigia das nossas tendências através de cookies e coisas do género) apareceu um relacionado no YouTube com parte da entrevista.

Se, tal como eu, acharem que ele é claramente um fora de série (e não me refiro apenas à comédia), dêem uma espreitadela. São 45 minutos muito bem aplicados.

 

Por fim, e só a título de registo pessoal, é curioso como o Universo parece, por vezes, conspirar a nosso favor. Tendo em conta o passado recente, o dia de ontem e, principalmente, a noite de ontem, esbarrar com esta entrevista deixou-me novamente a pensar em como não existem coincidências.

 

rap

Foto retirada daqui.

Quando for grande quero ser roulotteiro

Pais de filhos por esse Portugal fora, da próxima vez que um dos vossos rebentos disser que quando for grande quer ter uma barraca de bifanas, não os espanquem. Aliás, levem o assunto bem a sério!

Pode acontecer eles terem sabido desta notícia ou, vá, terem estado no Paredes de Coura e ficado a par do assunto. 

 

Em resumo? O proprietário de uma roulotte de venda de alimentos perdeu uma mochila com 25.000 euros, que foi encontrada pela GNR dois dias depois do festival ter terminado. A GNR fez a sua "boa acção" e devolveu a mochila.

 

Contudo, ao reler a notícia fiquei com a impressão de que a história está assim um "bocado para o mal contada". Mas enfim, vamos fingir que não e que, dada a quantia considerável, aquela roulotte não seria como a Lavagem de Carros do Walter White em Breaking Bad.

 

money bag

O tempo que escapa em 10 restaurantes insólitos

O tempo tem-se-me escapado por estas manápulas de aranhiço. Eu bem que lhe peço para acalmar a cavalgada, mas já dei conta que não adianta, só acabo a perder mais tempo com isso. Hum... curioso. A boa notícia é que com certeza não estarei sozinho. Escapa a todos, são coisas que acontecem e já o outro dizia que "é a vida".

 

Tenho rascunhos a processar, ideias em fila de espera como se estivessem para queimar velas no 13 de Outubro, notas no telemóvel, enfim, todo um conjunto de materiais de construção à espera de algum operário gentil disposto a receber pouco e a trabalhar que nem um descendente da máquina de movimento perpétuo do Da Vinci. Quase ficava sem ar com esta última frase!

Pensando melhor, talvez disposto a não receber nada vá, que isto está difícil: ser "Tuga" é queixar-se de tudo, não é? Quero ser tuga durante uns minutos. Depois volto a ser Português, ou pelo menos a tentar sê-lo.

 

E bem, como eu sou um porreiro e não vos quero deixar sem nada, tomem lá um curto vídeo para vos abrir (literalmente) o apetite para o fim de semana. Vale a pena tomar nota:

 

 

Bom fim de semana, gente. Cuidem-se!

Cuidado! Estão a chover Perseidas.

Senhoras e senhores, atentos e desatentos, já têm planos para sexta à noite?

Caso tenham, façam o favor de reorganizá-los e de aproveitar a noite (madrugada adentro incluída) em busca de Perseidas.

Para quem não souber, as Perseidas são uma chuva de meteoros originada pela passagem da Terra junto aos detritos do cometa Swift-Turtle. O evento ocorre anualmente durante os meses de Julho e Agosto, com tendência de acentuar-se entre 9-13 de Agosto. Este ano o pico será nos dias 11 e 12, e parece tratar-se de um ano especial: ao invés das habituais 60 estrelas cadentes por hora, são esperadas cerca de 150/hora!!

Não é incrível?! Cento e cinquenta cadentes a cada hora. Não há lista de desejos que resista, podem começar já a magicar desejos extra, vai ser precisa bastante criatividade.

Portanto, pensem lá bem nas vossas vidas, cheira-me ser tempo bem investido. Abro-vos o apetite com uma foto do último fim de semana: em pouco mais de meia hora, fiquei com uma mão cheia de fotografias atravessadas por cadentes.

 

cadente

 

E como eu sou um tipo mesmo à maneira, deixo ainda uma lista de conselhos úteis:

 

1. Afastem-se da cidade e de locais muito iluminados. O local perfeito é o mais escuro possível. Olha!, é uma excelente noite para acampar, por exemplo;

 

2. Não vão antes da meia noite. É a partir dessa hora que garantem um céu bem escuro. Aliás, diz-se que quanto mais próximo do amanhecer, melhor. Entre as 2h-4h está perfeito, vão por mim;

 

3. Levem uma manta. O rabo e as costas agradecem. Se forem friorentos, levem cobertores e roupa mais quente, ou socorram-se de outros meios de aquecimento, por exemplo namorados e namoradas. Ou amigos coloridos, o que importa é não passar frio. Vale quase tudo!;

 

4. Levem um repelente. Principalmente se não se sentirem confortáveis no meio da escuridão total e quiserem recorrer a uma pequena lanterna ou outra fonte luminosa semelhante;

 

5. Levem um pequeno lanche. Caso pensem ficar um bom bocado, tenham piedade do vosso pequeno estômago que, no meio de tanta emoção, é capaz de entusiasmar-se e passar o tempo a produzir barulhos desagradáveis. Uma sandes e um sumo não pesam na mochila.

 

 

No final de contas, o essencial à observação é gratuito e fácil de arranjar: escuridão e um par de olhos apontados ao céu.

 

Boas Perseidas a todos!

Carta de condução, categoria canina

Diz que foi aprovada em Berlim uma nova licença para quem tem animais de estimação, mais precisamente cães.

Para quem quiser ir passear os bichos livres de trela, terá que demonstrar que os cães estão treinados e respondem ao chamamento. Como tal, para obter a licença é preciso passar num exame que custa 100€. Foi também criada uma nova taxa para quem tiver cães na cidade: 40€ anuais.

Cheira-me que não irá demorar muito tempo até que se adoptem medidas semelhantes por ares portugueses. Vamos ver.

 

Já agora, qual é o próximo passo? Criar uma escolaridade obrigatória canina? Uma pessoa vai lá deixar o cão de manhã e volta a apanhá-lo no fim do dia. Já estou a imaginar a Auxiliar de Educação Canina:

"Nem vai acreditar, hoje o Flipper portou-se muito bem. Já começou a sentar-se e já dá a patinha sempre que pedimos. Aqui entre nós, acho até que ele já sabe o que quer ser quando for grande. Já é a terceira vez que o apanho a ver o Inspector Max e ele nem se mexe, fica pasmado com aquilo."

 

dog

É desta que corto de vez na carne

jaca

 

Enquanto escrevia lembrei-me que poderia fazer uma introdução algo extensa a este tema. Vou antes guardá-la para o "Fomento se eu quiser!" da próxima semana, vai dar um texto engraçado. Muito suspense se faz por aqui.

 

Indo directo ao assunto, e na próxima segunda explico porquê, acho que o mais difícil na tentativa de substituir as carnes é termos a comparação dos sabores. Não me venham dizer que os bifes de soja sabem a carne. Uma ova é que sabem. Nem que os hamburgueres de algas com cenoura são deliciosos. Gosto de tudo isso e principalmente de tofu. Não morreria à fome se tivesse que tornar-me vegetariano. Contudo, não me esqueço do sabor incomparável da carne.

 

Mas eis que o problema dos sabores está finalmente resolvido!

Esbarrei com esta notícia e estou aqui a pedir para que o título não seja exagerado. Vá lá, só desta vez, por favor.

 

Parece que existe uma fruta, da qual eu nunca ouvi falar, que sabe a carne. Leram bem, uma fruta que sabe a carne, caramba! Como é que só agora descubro isto? É a combinação pela qual a humanidade esperava. Pelo menos a minha humanidade ansiava por uma coisa destas.

Além disso, e passo a citar, tem alto valor nutricional em proteínas, potássio, cálcio e ferro. E pode pesar até 5kg. Minha gente, 5kg de carne governam uma família durante uma semana!

 

Não querendo ser demasiado exigente, na notícia esclarecem que a jaca (nome da fruta) sabe a carne de porco. Até aqui tudo bem, informação útil. Mas sabe a carne de porco como? Grelhada? Assada? Cozida? Desde que não seja a carne de porco crua, por mim tudo bem. Isso seria borrar a pintura toda.

 

Vou procurar esta jaca na próxima ida às compras. Até provar, continuarei crente de que existe um fruto a saber a carne de porco.

E desse lado, já alguém provou ou viu à venda? Se não souber a carne prefiro que não me digam. Deixem-me acreditar que fiz a descoberta da minha vida!

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O gajo

foto do autor

Citação da semana
When you have exhausted all possibilities, remember this: you haven't - Thomas Edison
Acompanha no facebook
Armado em fotógrafo
Malta ludibriada
Mesa de cabeceira

Manda vir com o lorpa
lorpaquaseerudito@gmail.com

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D